Política de Cookies
Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, registo e recolha de dados estatísticos.
Ao prosseguir a navegação com cookies ativos está a consentir a sua utilização.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pelo Banco Português de Fomento.Saiba mais
Compreendi

Fundo de Sindicação de Capital de Risco

Enquadramento e objetivos

O Fundo de Sindicação de Capital de Risco (FSCR PME-IAPMEI), foi constituído em 2003, no âmbito da Medida de Inovação Financeira do PRIME, tendo como objetivo promover o reforço do capital das Pequenas e Médias Empresas (PME) nacionais e intervindo numa lógica de partilha de risco e de financiamento a entidades especializadas de capital de risco (EECR), tornando mais fácil às empresas acederem a esta importante fonte de capitais próprios.

A intervenção do FSCR PME-IAPMEI está enquadrada através dos seguintes diplomas legais:

  • do Decreto-Lei n.º 187/2002, de 21 de agosto, que criou o quadro legal dos Fundos de Sindicação de Capital de Risco, 
  • das alterações introduzidas pelo Decreto-Lei n.º 13/2007, de 19 de janeiro que visam alargar o âmbito dos FSCR na partilha de riscos inerentes às operações de capital de risco, e 
  • do Despacho Conjunto n.º 8375/2007, de 10 de maio, que publicou o novo Regulamento de Gestão do FSCR (veio revogar o Despacho Conjunto nº 196/2003, de 22 de fevereiro).

    Governação

    A estrutura governativa do FSCR PME-IAPMEI é composta por dois órgãos: a Entidade Gestora e o Conselho Geral.

    Entidade Gestora

    Em junho de 2003, a PME Investimentos – Sociedade de Investimento, S.A. (PME Investimentos) foi designada pelo IAPMEI – Agência para a Competitividade e Inovação, I.P.  como Entidade Gestora do FSCR PME-IAPMEI, funções que passaram a ser desempenhadas pelo Banco Português de Fomento, S.A. (BPF) a partir de 3 de novembro de 2020, na sequência do processo de fusão que lhe deu origem, conforme estabelecido no Decreto-Lei n.º 63/2020, de 7 de setembro.

    O Banco Português de Fomento sucedeu assim à PME Investimentos no desempenho das funções atribuídas à entidade gestora do FSCR PME-IAPMEI, que viu as suas competências reforçadas por via da agregação do know-how e experiência acumulados nas 3 entidades que foram objeto de fusão (PME Investimentos – Sociedade de Investimento, S.A. e IFD – Instituição Financeira de Desenvolvimento, S.A. na SPGM – Sociedade de Investimento, S.A.).

    Compete ao BPF, enquanto entidade gestora legal e legal representante do FSCR PME-IAPMEI, assegurar a gestão corrente do Fundo, nomeadamente praticar todos os atos necessários à sua boa administração, nos termos da lei e dos regulamentos aplicáveis, bem como assegurar os meios técnicos e administrativos indispensáveis ao seu adequado funcionamento.

    Conselho Geral

    O Conselho Geral do FSCR PME-IAPMEI tem a seguinte composição, com as atribuições previstas no artigo 6º do Decreto-Lei n.º 187/2002 e no artigo 5º do Despacho Conjunto n.º 8375/2007.

    Entidades Financiadoras e Participantes do Fundo

    As dotações de capital do FSCR PME-IAPMEI são asseguradas pelas seguintes entidades participantes:


    Instrumentos Financeiros

    Para cumprimento dos seus objetivos, o FSCR PME-IAPMEI disponibilizou um conjunto de produtos financeiros específicos destinados à capitalização de Pequenas e Médias Empresas (PME), nomeadamente: 

    • Participação em empresas de base tecnológica que obtenham o Estatuto NEST (Novas Empresas de Suporte Tecnológico); 
    • Subscrição de Unidades de Participação de Fundos de Capital de Risco (FCR), geridos por Entidades Especializadas de Capital de Risco (EECR), que se destinem a realizar operações em PME enquadráveis no PRIME;
    • Cofinanciamento de operações, numa base de partilha de risco com as Entidades Especializadas de Capital de Risco (EECR);
    • Refinanciamento de Entidades Especializadas de Capital de Risco (EECR), pela via da concessão de crédito.

    Salienta-se que o FSCR PME-IAPMEI se encontra em fase de desinvestimento, não estando a aceitar propostas de investimento.

    Parceiros FSCR